Mês: julho 2020

3-dicas-para-o-tratamento-de-bruxismo-infantil

3 DICAS PARA O TRATAMENTO DO BRUXISMO INFANTIL

Existe uma série de doenças que podem surgir durante a infância. O bruxismo é a principal entre elas.

Saiba o que é o bruxismo e como tratar!

ANTES DE TRATAR, ENTENDA O QUE É E QUAIS SÃO AS CAUSAS DO BRUXISMO INFANTIL!

De acordo com a Fundação Nemours, 3 a cada 10 crianças possuem o hábito de ranger ou apertar os dentes, que são as principais características do quadro de bruxismo.

Nesse caso, as causas do distúrbio quase sempre tem origem emocional. O hábito pode ser uma maneira que a criança encontra de acalmar ansiedade e estresse. Além disso, também pode ser um indicativo de hiperatividade ou até mesmo uma reação à alguns medicamentos.

Caso não seja resolvido, o problema pode desencadear outros incômodos aos pequenos:

  • Má oclusão dentária;
  • Desgaste do esmalte dos dentes;
  • Dor de ouvido;
  • Cefaléia;
  • Dores miofasciais;
  • Sangramento da gengiva.

BRUXISMO INFANTIL TEM CURA?

Sim! Os pais devem entender que o distúrbio é relacionado a transtornos e, principalmente, estresse. Por isso, a melhor forma de preveni-lo e tratá-lo é através do manejo com o próprio estresse causador.

Além disso, os sintomas costumam desaparecer sem causar danos ao desenvolvimento da criança. Entretanto, é importante que o acompanhamento profissional seja feito até os 12 anos de idade, ainda que seja mais comum quadros de bruxismo no período entre 4 e 6 anos.

3 DICAS EFICAZES PARA O TRATAMENTO DE BRUXISMO INFANTIL

Para quem sofre com bruxismo, a sensação de ranger e apertar os dentes pode ser bastante incômoda.

1. Colabore para uma noite de sono mais tranquila: 

Diminuir a atividade física e mental da criança antes de dormir é fundamental para evitar o ranger dos dentes.

Nesse caso, evitar brincadeiras que exijam concentração e exercícios físicos antes de dormir é importante. Além disso, desligar os aparelhos eletrônicos e proporcionar um ambiente livre de ruídos pode ajudar a garantir um sono mais tranquilo.

2. Utilize placa de mordida:

Dependendo do grau de bruxismo do seu pequeno, o uso de placa de mordida miorrelaxante pode ser uma boa opção. Entretanto, vale lembrar que é importante que o diagnóstico seja feito por um especialista.

3. Opte pelo aparelho ortodôntico: 

Se a causa do bruxismo infantil estiver relacionado ao alinhamento dos dentes ou à estrutura crânio facial, o uso do aparelho ortodôntico é a solução.

Nesse caso, a criança deve ser acompanhado por um ortodontista para garantir o tratamento adequado de acordo com as suas necessidades.

Não deixe de procurar ajuda médica para seu filho, o tratamento bem feito na infância pode evitar muitos problemas na vida adulta.