Há cada vez mais evidências sugerindo a existência de uma relação entre as enfermidades gengivais e os nascimentos prematuros, e de bebês que nascem com peso abaixo do normal. Confira o artigo completo e vejas as principais patologias que afetam as gestantes e prejudicam os bebês.

Saúde bucal na gravidez

Há cada vez mais evidências sugerindo a existência de uma relação entre as enfermidades gengivais e os nascimentos prematuros, e de bebês que nascem com peso abaixo do normal.

De acordo com uma pesquisa produzida pela Academia Americana de Periodontologia (American Academy of Periodontology) e a Federação Europeia de Periodontologia (European Federation of Periodontology), mulheres com doença periodontal podem estar em risco de efeitos adversos da gestação, além do nascimento prematuro e bebê com baixo peso corporal no nascimento.

Há muitos mitos entre a saúde bucal e a gestão, o ideal é pesquisar e se preparar para este momento.

Principais problemas que ocorrem durante a gravidez?

De acordo com os estudos, há um grande número de mulheres que apresentam gengivite durante a gravidez, com acúmulo de placa bacteriana que se deposita nos dentes irritando a gengiva e causando até mesmo a perda de alguns dentes.

O que é a periodontia?

A periodontia é uma doença bucal comum e pode ser prevenida. Ela afeta as estruturas ao redor dos dentes, como a gengiva e os ossos. Um dos motivos que podem causar a doença é a má higienização, escovação incorreta e pelo não uso de fio dental – podendo ocasionar na perda dos dentes.

Os principais sintomas da doença são:

  • Gengiva sensível
  • Vermelha ou inchada
  • Gengiva afastada dos dentes
  • Mau hálito
  • perda dos dentes
  • Sangrar durante a escovação

Como prevenir danos bucais durante a gravidez?

Se há um planejamento antes de uma gravidez, o ideal durante a preparação é também cuidar da saúde bucal, realizar os tratamentos necessários antes de engravidar. Isso porque o procedimento durante a gestação, além de causar mais desconfortos para a gestante, pode ocasionar algumas complicações.

Durante a gestação, os dentes e gengivas precisam de cuidados especiais. Uma higiene bucal adequada, o uso diário do fio dental, uma alimentação equilibrada e visitas periódicas ao dentista são medidas que ajudam a reduzir os problemas dentários que acompanham a gestação.

O que esperar de uma consulta odontológica na gravidez?
Em primeiro lugar, não deixe de informar o dentista que você está grávida. De acordo com o site Colgate, é melhor marcar uma consulta entre o quarto e sexto mês de gravidez, porque os três primeiros meses são os mais importantes no desenvolvimento da criança. No último trimestre da gravidez, o estresse associado com a consulta ao dentista pode aumentar a incidência de complicações pré-natais.

É extremamente importante as gestantes saber que radiografias, anestésicos dentais, medicação contra a dor e antibióticos (especialmente a tetraciclina) não são receitados durante o primeiro trimestre da gravidez, a não ser que sejam absolutamente necessários. 

Portanto, para uma gestão sem risco, o ideal é fazer o planejamento completo, incluindo os tratamentos bucais.

Quer fazer uma avaliação sem compromisso? Entre em contato conosco!

Deixe um comentário

Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para tirar suas dúvidas e fazer seu agendamento.
WeCreativez WhatsApp Support
Atendimento
Cravinhos
Ausente
WeCreativez WhatsApp Support
Atendimento
Jardinópolis
Ausente
WeCreativez WhatsApp Support
Atendimento
Ribeirão Preto - Centro
Ausente
WeCreativez WhatsApp Support
Atendimento
Ribeirão Preto - Rib Verde
Ausente